Quem sou eu?

Minha foto
Descubra-me depois que adentrar na minha poética.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

DESPEDIDA EM V

Para meu amigo, amor, irmão e filho, Juliano Varela.

Ver você vagueando voraz e vermelho ao vento
Visão verdadeira que me invade
Voz de vulcão que vocifereja nos ouvidos
Viola minha vida.

Vai, mas volta.
Não viva sem ver-me.
Não vivo sem ver-te.
Vai, veloz
Vasculhar o vago, o vazio do mundo.

Vai, veja, viva.
Viver é sua vida.


Bia Crispim

3 comentários:

  1. Bonito blog!!!Continue construindo!!!

    bjs,

    Maria Maria

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, querida... Sua opinião me será sempre bem vinda, assim também, o seu incentivo...

    ResponderExcluir