Quem sou eu?

Minha foto
Descubra-me depois que adentrar na minha poética.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

UM

Nos contornos do meu corpo
Senti você deslizar
E se perder
E se afogar
De prazer, de deleite.

Na minha língua
Provou do meu sabor
Da minha voz
Inundando-me
Com o seu desejo.

Nos meus olhos
Vi fogo nos seus
Arder e queimar minha alma
Consumir meu ser
Se transmutar em fênix.

No meu sexo
Senti você pulsar
Gemer, gritar
Tremer, urrar
E viver.

E depois morrer
Sobre mim
Em mim
Dentro
Pois agora somos um.


Bia Crispim

Nenhum comentário:

Postar um comentário