Quem sou eu?

Minha foto
Descubra-me depois que adentrar na minha poética.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

ANJO OU DEMÔNIO

"Anjo bom, anjo mau, anjos existem e são meus inimigos e são amigos meus..." CAZUZA

Nunca fui santa
Nem deusa,
Ninfa, quiça!

Não me encontrava em altares
Ou oratórios
Nem em florestas mágicas.

Nunca fui etérea,
Lânguida
Ou funéria.

Antes, exalava vida,
Fogo e alegria,
Sexo sem pudor.

Era anjo Barroco:
Curvas e volumes
De uma escultura Rococó.

Atrevida, intensa, 
Impulsiva e 
Paradoxal.

Em mim:
Bondade e maldade,
Derretimento e frieza.

Sem asas, nem auréola,
Sem roupas e 
Sem vergonha.

Anjo pros teus olhos,
Na tua boca
E coração.

Demônio em tua carne,
Em teus pensamentos,
Em cima de um colchão.

 Bia Crispim

Nenhum comentário:

Postar um comentário