Quem sou eu?

Minha foto
Descubra-me depois que adentrar na minha poética.

terça-feira, 2 de junho de 2015

PROFUNDO

Ele era assim:
Um menino
Um menino que para mim era um homem.
O homem que eu queria naquela noite.
Viril.
Jovem.
E sedento.

Desejando-me sem escrúpulos.

E eu o queria dentro.
Inteiramente dentro da minha alma e do meu corpo.



Bia Crispim

Nenhum comentário:

Postar um comentário